Eficiência sem estresse

Quem nunca se frustrou por acreditar que poderia entregar as tarefas no trabalho de uma maneira mais rápida? Essa angústia em busca da eficiência é mais comum do que se pensa. Praticamente todo profissional passa por ela, sempre há algum assunto ou demanda que não dominamos e até a gente conseguir engrenar pode demorar um pouco, aí ficamos preocupados achando que não daremos conta do resultado até a data de entrega.

Mas calma aí, não é bem assim e nem precisa se estressar, por mais que você domine uma área do conhecimento nem sempre dominamos as ferramentas de trabalho e os meios internos e externos que o influenciam. Por isso diante de um novo desafio o melhor que temos a fazer é iniciá-lo com a disposição para o aprendizado, observando, como as coisas devem ser feitas. Com o tempo além de ir aprendendo também vamos descobrindo como agilizar e baratear processos, sem perder a qualidade do serviço seja ele qual for.

Um empregado eficiente sempre é valorizado pela sua empresa, afinal quem não quer ter a mão um colaborador que no mesmo tempo produz o mesmo que dois, ou cumpre suas tarefas na metade do tempo? Sem contar do valor que tem um líder que consegue fazer suas equipes aumentarem sua produção sem onerar mais a empresa, mas pelo simples fato de tornarem suas rotinas de trabalho mais eficientes.

Não se esqueça que aumentar a eficiência sempre é um desafio que nos é imposto por nós mesmos ou por nossos superiores. Quando nos impomos esse desafio temos que olhar a nossa volta e conhecer nossas ferramentas, sejam elas físicas como maquinários, ou virtuais como softwares ou aplicativos e compreender que o nosso melhor terá de ser feito com ferramentas que nem sempre são as melhores. Sempre que partir de você a iniciativa da eficiência não reclame e não se mostre, apenas deixe seus novos resultados falarem por si e principalmente não se aborreça, tome isso como um desafio e não como um problema, solucione problemas, aumente a efetividade, faça mudanças simples e mostre resultados, tudo dando certo apresente para os seus superiores essa que pode ser a nova forma de trabalhar da empresa.

Se a eficiência for exigida pelos superiores, temos a tendência de lamuriar mais trabalho antes de começar a realizá-lo, mas ao invés de fazer isso tente com as ferramentas que te foram dadas todas as formas possíveis de alcançar o resultado. Aprenda os recursos das suas ferramentas, tire dúvidas, observe se está ou não mais eficiência, busque os pontos fortes do processo, descubra os fracos e tente solucioná-los. Caso essas ferramentas não sejam as adequadas para alcançar a produção exigida, aí sim apresente seu trabalho a seus superiores e mostre com dados porque não consegue chegar a esses resultados.

Nossa busca por eficiência seja lá qual for a razão que nós temos para alcançá-la deve acontecer de forma progressiva, ir aumentando o ritmo conforme percebemos condições para isso de forma saudável, ficar doente, estressado, ansioso, angustiado não é eficiente. A eficiência deve ser alcançada dentro da mesma carga horária, e rotina de trabalho, mas com mudança de como se usa as ferramentas, o foco no trabalho, descobrindo sempre maneiras mais rápidas de se chegar ao objetivo. Se você trabalha mais horas para produzir mais isto não é eficiente, se adoece para produzir mais também não.

A eficiência não é só para melhorar a produtividade das empresas, mas também para melhorar a qualidade de vida dos empregados Se você ainda se estressa para ser eficiente ou alguém te estressa, com certeza há alguma coisa muito errada no processo que está sendo empregado, é necessária uma mudança urgente.

Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error

Gostou do nosso blog? Compartilhe com seus amigos! :D