A beleza da persistência

Como é bom e belo ver pessoas que atuam com persistência, que não se abalam diante de qualquer dificuldade, que não tem medo do novo nem de desafios. A persistência é uma virtude necessária não só para o mundo profissional, mas para a vida.

A vida de todos nós é assim, feita de desafios e de novidades, quando falamos em novidades associamos a coisas boas, mas nem sempre são, às vezes são problemas novos, que nunca imaginamos passar e ter que enfrentar. Diante de situações assim, muitas pessoas se abalam e tendem a ter uma primeira reação de se desesperar, ou se sentirem perdidas, até mesmo pensando em deixar tudo de lado dependendo das circunstâncias. Mas às coisas não funcionam assim, na vida se realmente queremos “vencer”, precisamos encarar os desafios que ela nos impõe, por mais temerosos devemos encarar de frente e ser persistentes e só parar com a solução em mãos.

Assim se queremos ser bem-sucedidos como profissionais ou em nossas relações pessoais e familiares, devemos ser persistentes em nossos bons objetivos, afinal assim é que nasceram as grandes referências que temos hoje e usamos como modelos de liderança executiva, nos esportes, na religião, nas ciências, na política e sociedade. Em todas essas áreas seus grandes ícones têm em comum terem sido pessoas persistentes naquilo que faziam, na busca de aprimorar suas qualidades pessoais ou para descobrir maneiras de melhorar a vida das pessoas em geral.

Uma coisa interessante sobre a persistência é que apesar de a observarmos de uma forma mais natural em algumas pessoas, não podemos achar que é um dom iluminado que se nasce com ele e que se não nascemos, portanto não teremos, como virtude pode ser adquirida, basta ser exercitada, justamente com persistência, é irônico, mas a persistência leva a persistência. Podemos iniciar o seu desenvolvimento em qualquer idade, quanto mais cedo melhor, daí entra a importância dos pais entenderem que se amam não entregam tudo de mão beijada aos filhos, mas dão a eles o presente de fazer pequenas “lutas” para alcançarem seus objetivos, assim desde cedo entenderão que a vida não nos entrega nada de mãos beijadas. Como já ouvi de diversos psicólogos e replico aqui “os pais tem o dever de apresentar a frustração aos filhos”, melhor nós pais que o mundo aí fora. Porque descobrir a frustração apenas quando tem que se colocar sozinho no mundo real não é fácil para ninguém, para falar a verdade é cruel. É como acontecia na Roma antiga quando se colocavam pessoas no Coliseu dentro da arena para enfrentar as feras.

Ser perseverante é para todos de todas as idades, e faz diferença em todas as áreas de nossas vidas. Para uma pessoa que tem essa virtude parar ou desistir não é uma opção, mas sim o esgotar das opções. Assim meu leitor não se dê por vencido, em quanto houver chances o sucesso é uma possibilidade. Siga em frente e persevere sempre.

Compartilhe com seus amigos!

2 comentários em “A beleza da persistência

  • 27 de julho de 2020 em 14:22
    Permalink

    A persistência é um dom para os que querem realmente vencer!!!

    Resposta
  • 27 de julho de 2020 em 14:23
    Permalink

    A persistência é um dom para os que querem realmente vencer!!!

    Excelente texto!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error

Gostou do nosso blog? Compartilhe com seus amigos! :D